close

x Brasileirão Série B 2024
22/04/2024 - 21:00
x Brasileirão Série B 2024
26/04/2024 - 21:00
x Brasileirão Série B 2024
06/05/2024 - 21:00

A CARA DO REBAIXAMENTO! Guarani perde em jogo melancólico para a Portuguesa

Por Nossa Taba, em 18/02/24

O Guarani caminha a passos largos para jogar a Série A2 em 2025. Neste domingo, o Bugre cumpriu mais um capítulo melancólica caminhada no Paulistão Sicredi 2024 e perdeu para a Portuguesa, por 1 a 0, no Canindé, em duelo válido pela 9ª rodada. Giovani Augusto, de pênalti, fez valer a lei do ex e sacramentou a vitória da Lusa.

Com o resultado, o Bugre cai para vice-lanterna com apenas quatro pontos em nove rodadas. O próximo confronto é diante do São Paulo, no Brinco de Ouro, e se quiser manter-se na primeira divisão no próximo ano terá que vencer ao menos duas das tres partidas restantes.

O JOGO

Nada mudou. Exatamente. Tudo a mesma coisa, o mesmo time, a mesma postura, as mesmas deficiências e o mesmo resultado. Claudinei optou por repetir a equipe que cedeu o empate ao Santo André, nos minutos finais, no Brinco e diante de um adversário frágil, o Bugre teve muita, mas muita dificuldade, criou pouco, quase não chutou a gol e viu a Portuguesa ser dona do jogo.

O primeiro tempo começou como foi a tônica do jogo todo, com a Portuguesa dominando as ações e o Guarani tentando explorar os contra-ataques. A primeira boa chance foi da Lusa. Aos 25′, após cruzamento, Douglas Borel mergulhou e abriu o marcador, mas o VAR invalidou. O susto, fez o Guarani tentar sair para o jogo, mas de nada adiantou. Aos 36′, o ex-bugrino Ricardinho infiltrou entre a defesa, recebeu lançamento de Giovanni Augusto e encobriu Vladimir, a bola bateu no travessão e a zaga afastou.

Quando tudo parecia caminhar para um fim de primeiro tempo empatado, Hélder foi muito imprudente e, ao tentar cortar um cruzamento, atingiu Douglas Borel dentro da área, Flavio Rodrigues de Souza mandou seguir, mas o VAR chamou o árbitro para revisão, que apontou a marca da cal.

Aos 51, Giovanni Augusto cobrou e só deslocou Vladimir para abrir o marcador e colocar a Portuguesa na frente, na comemoração o ex-jogador do Bugre ainda provocou a torcida do Alviverde e foi contido por Ricardinho e Eduardo Diniz, dois atletas que já defenderam e foram vitoriosos com a camisa do Guarani.

O segundo tempo começou e o Bugre tentou de tudo para empatar a partida, Claudinei promoveu a entrada de Gabriel Santos na vaga de Camacho, mas sem efeito, tentou com a improvisação de Diogo Mateus na vaga de Hélder e Marlon por Reinaldo, mas também não viu mudança. Pelo contrário, ainda viu Heitor ser expulso e ficar com um a menos.

O único lance que gerou alguma esperança ao torcedor Bugrino foi aos 39′, Marlon dividiu com Talles e ficou no chão pedindo pênalti, o juiz mandou seguir. Fora isso, o Bugre foi um time sem força, sem organização e que sucumbiu diante de uma Portuguesa guerreira que lutou para permanecer na elite no próximo ano. O caminho está sendo seguido a risca e o destino do Guarani parece ser um só, voltar a viver o que viveu em 2013.

Ficha Técnica

Paulistão Sicredi – 2024 – 18.02.2024
Portuguesa x Guarani
Estádio do Canindé
Público: 2.280
Renda: R$ R$73.220,00
Cartões Amarelos:Guarani: Camacho
Cartões Vermelhos: Portuguesa: Denis Guarani: Heitor
Gols: Portuguesa: Giovanni Augusto

Guarani

Vladimir; Heitor, Léo Santos, Rayan e Hélder (Diogo Mateus);Anderson Leite, Camacho (Gabriel Santos), Matheus Bueno e Régis; Reinaldo (Marlon Douglas) e Pablo Thomaz. Técnico: Claudinei Oliveira.

Portuguesa

Thomazella; Douglas Borel (Talles), Marco Antônio, Patrick, Robson e Eduardo Diniz; Tauã, Ricardinho (Pedro Henrique) e Giovanni Augusto (Dudu Miraíma); Felipe Marques (Renan Gorne) e Paraizo (Denis).Técnico: Pintado

Conteúdo relacionado: