close

x Brasileirão Série B 2024
22/04/2024 - 21:00
x Brasileirão Série B 2024
26/04/2024 - 21:00
x Brasileirão Série B 2024
06/05/2024 - 21:00

DIA D: Saiba o que Guarani precisa para reforçar o elenco antes da janela de exceção

Por Nossa Taba, em 07/03/24

O Guarani tem seu futuro em jogo nesta semana. Não somente para definir se disputará a Série A1 em 2025, como também para resolver quem reforçará seu elenco pensando na sequência da temporada, uma vez que a janela fecha nesta quinta-feira (07), e a janela de exceção, prevista pela CBF e noticiada pelo Nossa Taba, que começa em 1º de Abril, traz algumas imposições que o Bugre deve cumprir para conseguir contratar durante o período.

Diante das inúmeras notícias envolvendo possíveis saídas e chegadas ao Bugre, o Nossa Taba traz o que é necessário para o Guarani concretizar as contratações nesta janela e o formato que o Bugre precisará seguir se quiser contratar na janela de exceção. Conforme antecipado pelo Nossa Taba, o Alviverde possui uma oferta e, de acordo com o presidente do Atlético Goianiense – Adson Batista, possui um acordo “avançado” para contar com Derek de forma definitiva.

Adson Batista explica situação de Derek e acredita em desfecho positivo

Entretanto, a contrapartida seria o empréstimo de dois atletas para o Bugre (Airton e Rhaldney foram os nomes disponibilizados pelo Dragão), para o negócio acontecer, todos os trâmites devem ocorrer ainda nesta quinta-feira, uma vez que após o encerramento da janela, o Alviverde só poderá voltar contratar na janela de exceção.

E, de acordo com as regras impostas pela CBF para o período, somente poderão ser contratados jogadores que:

– Foram inscritos em algum campeonato estadual desta temporada
– Chegarem ao clube de forma definitiva, ou seja, que rescindir o contrato em comum acordo – (não negociação via empréstimo).
– Jogadores estrangeiros somente poderão chegar de forma livre com rescisão feita até 07/03.

Diante disso, o Bugre precisa definir todo este cenário ainda nesta quinta-feira. O Santos, também aparece como um dos interessados no futebol de Derek e faz um esforço para fazer com que o Guarani desfaça o pré-acordo estabelecido com o Atlético-GO e leve em consideração a oferta da equipe da baixada Santista.

Neste caso, o Alviverde não receberia nenhum atleta em troca e realizaria a negociação com envolvimento de valores compensatórios em uma possível ida do atacante para Santos.

O que diz a regra

[…] §3° – Só é admitida a solicitação de transferência em exceção ao disposto no caput caso seja comprovada(o):

c) A rescisão por mútuo acordo ou o encerramento do contrato especial de trabalho desportivo (inclusive de empréstimo) com o clube anterior, ou a cessão temporária, ocorrida(o) entre os dias 01/04 a 19/04/2024, sendo que, nesses casos, a solicitação de transferência deve ser concluída no SNR até o dia 19/04/2024. O atleta em questão necessariamente deve ter participado do Campeonato Estadual de 2024; […]

[…] Art. 47 – O pedido de transferência internacional de atleta de Futebol de Campo só pode ser feito em um dos 2 (dois) períodos anuais de registro definidos pela CBF.

Parágrafo único – Só é admitida a solicitação de transferência fora desses períodos caso seja comprovada a rescisão por mútuo acordo ou encerramento do contrato de trabalho desportivo no exterior antes do término do período de registro anterior, nos termos do art. 6º do FIFA RSTP, ou quando incidentes quaisquer outras exceções aplicáveis e vigentes conforme o referido. […]

Quem decide?

Com todas essas indefinições, o Guarani ainda conta com um cenário que não ajuda em nada, há quase um mês sem executivo de futebol e também com Ricardo Moisés, CEO do Alviverde, afastado, o Bugre tem apenas Danilo Silva e Sérgio do Prado no Departamento de Futebol, sendo assim não teria ninguém para tomar frente das negociações.

Entretanto, como informou o jornalista Lucas Rossafa, em seu twitter, mesmo afastado Ricardo Moisés continua resolvendo situações relacionadas ao futebol do Bugre, e é o responsável por apalavrar o acordo de Derek com o Atlético Goianiense, através de Adson Batista.

Além de Derek, Ricardo Moisés, de acordo com o jornalista, também foi responsável por toda negociação envolvendo o atacante Theo, jovem promessa do Bugre, que estaria sendo negociado com o Figueirense.