Conecte-se conosco

Notícias

Louzer deve voltar a repetir escalação após sete rodadas

Após boa atuação contra o Coritiba e sem nenhum novo desfalque, teve vai optar pela manutenção

Última vez em que o Guarani teve a mesma escalação em jogos seguidos foi nas vitórias sobre Juventude e CSA, ambas por 1 a 0 (Foto: Letícia Martins/Guarani Press)

Depois de mudar o time vez após vez nos últimos jogos na tentativa de acabar com a má fase, Umberto Louzer acertou em cheio na escalação do Guarani em Curitiba e, após a vitória por 2 a 0, a tendência é que ele volte, depois de sete rodadas, a repetir a formação do time que enfrenta o Figueirense, terça-feira, às 21h30, no Estádio Orlando Scarpelli, pela 35ª rodada da Série B do Brasileiro.

A última vez em que o comandante bugrino não mexeu no time por obrigação ou opção foi justamente na mais recente sequência de vitórias do Alviverde. Entre as rodadas 27 e 28, os 11 titulares foram os mesmos nas vitórias sobre Juventude e CSA, ambas por 1 a 0, que deixaram o clube na cola do G4.

A confirmação da equipe vai acontecer na atividade desta segunda-feira, já em solo catarinense. Por conta do período curto entre o jogo e outro, a prioridade é a recuperação dos atletas, mas o treinador deve realizar ao menos um trabalho de posicionamento. A boa notícia é que ele não tem nenhum jogador suspenso ou algum novo problema de desfalque.

Quem poderia voltar é o atacante Marcão, desfalque no último jogo, mas como a delegação foi direto de Curitiba para Florianópolis, ele não está entre os relacionados, assim como Bruno Mendes e Bruno Xavier, que seguem em recuperação e devem estar à disposição no sábado, no duelo diante do Paysandu.

Por conta disso, o Bugre deve ter Agenor; Kevin, Philipe Maia, Fabrício e Romário; Willian Oliveira, Ricardinho e Denner; Jefferson Nem e Matheus Anjos; Gabriel Poveda. Outra vez fora de casa, o time deve adotar a mesma estratégia que deu certo contra o Coritiba, com o meio-campo reforçado e uma saída em velocidade no contra-ataque.

“Primeiro a gente precisava resgatar essa confiança, jogar da maneira que jogamos. Agora é focar, descansar e contra o Figueirense ter a mesma atitude e imposição para ser premiado com performance e com resultado. Vamos continuar sonhando, fazer o maior número de vitórias possível e ver nossas possibilidades”, diz Louzer.

Comentários

comentários

Mais em Notícias