Conecte-se conosco

Notícias

Com Fabrício na zaga, Louzer esboça Guarani com ‘time ideal’

Rafael Longuine, Bruno Xavier e Bruno Mendes são outras novidades na formação titular

Umberto Louzer montou a equipe titular com quatro novidades: técnico deve mandar a campo a equipe que atualmente é considerada a 'ideal' (Foto: Luciano Claudino/Código 19)

Nesta terça-feira, no penúltimo treinamento antes da partida contra o Juventude, o técnico Umberto Louzer mostrou pela primeira vez a provável escalação que vai a campo na quinta-feira, às 21h, no Brinco de Ouro, pela 27ª rodada da Série B do Brasileiro. Com prováveis quatro mudanças na formação em relação ao time que empatou com o CRB, a principal novidade é a presença de Fabrício que, recuperado de lesão, trabalhou entre os titulares.

Vetado do último jogo por conta de um problema no músculo adutor da coxa, o zagueiro havia treinado separado na segunda-feira, mas nesta terça já atuou ao lado de Philipe Maia na defesa. Outras caras novas na equipe são os retornos do meia Rafael Longuine e do atacante Bruno Mendes, que haviam sido poupados, e do atacante Bruno Xavier, que não começou a partida de sexta-feira passa por uma opção tática da comissão técnica.

Com as prováveis alterações, perdem lugar no time o zagueiro Edson Silva, o volante Fabrício Bigode, o meia Rondinelly e o atacante Marcão. Assim, sem nenhum problema por suspensão e com o time considerado hoje o ‘ideal’, o Bugre que deve enfrentar o Juventude tem Agenor; Kevin; Philipe Maia, Fabrício e Pará; Willian Oliveira e Ricardinho; Matheus Oliveira, Rafael Longuine e Bruno Xavier; Bruno Mendes.

Últimos reforços a serem inscritos, o lateral-esquerdo Romário, o volante Mateus Silva e o meia Matheus Anjos participaram da movimentação tática, mas Louzer ainda não confirmou quais deles poderá aparecer na lista de relacionados para a partida.

Na 7ª posição da Série B, com 38 pontos, o Guarani tentará interromper na quinta-feira a sequência de quatro partidas sem vencer no campeonato para seguir na briga por um lugar no G4 – a diferença atual é de quatro pontos. Já o Juventude vem em fase bem complicada, afinal são nove jogos sem um resultado positivo, o que colocou o time gaúcho na zona de rebaixamento.

Comentários

comentários

Mais em Notícias