Conecte-se conosco

Notícias

Gol ‘cantado’ interrompe jejum e Bruno Mendes desencanta na Série B

Lance de bola parada havia sido treinado no dia anterior; atacante não marcava há três meses

Bruno Mendes volta a comemorar um gol após mais de três meses: atacante reencontra o caminho das redes e marca seu primeiro na Série B do Brasileiro (Foto: Luciano Claudino/Código 19)

O treinamento do Guarani no domingo, véspera da partida contra o Coritiba, foi marcado pela insistência no trabalho com bolas paradas. Em determinado momento da atividade, Bruno Mendes marcou dois gols seguidos e os companheiros pediram para o atacante vibrar para afastar a ‘zica’. Pois no dia seguinte foi exatamente desse jeito que o artilheiro bugrino na temporada interrompeu um incômodo jejum. Ao aproveitar cobrança de escanteio de Pará, Mendes cabeceou para marcar o segundo da equipe, desencantou na Série B e pôde finalmente comemorar.

O atacante não balançava a rede desde 7 de abril, quando abriu o caminho da goleada por 4 a 0 sobre o Oeste na decisão da Série A2. Ausente das primeiras três rodadas do Brasileiro, o camisa 9 voltou a atuar no Dérbi, mas logo em seguida perdeu posição para Anselmo Ramon. A lesão sofrida pelo concorrente, porém, garantiu nova chance a Mendes, mas a fase não ajudava.

Além da falta de gols, o centroavante também não conseguia ser participativo durante os jogos. Titular em seis partidas consecutivas sem marcar, Bruno Mendes acompanhou a chegada do experiente Marcão na briga pela titularidade e o confronto contra o Coritiba se tornou fundamental para a permanência dele na equipe. Foi então que, aos três minutos do segundo tempo, o atacante desencantou após nove partidas de jejum e marcou seu primeiro gol na Série B.

Após a vitória bugrina, o técnico Umberto Louzer relembrou o lance da véspera, comemorou o gol ‘ensaiado’ e fez questão de elogiar o jogador, que segue isolado na artilharia da equipe na temporada, agora com 10 tentos após 26 partidas disputadas.

“Foi um gol treinado. Demos ênfase na bola parada ofensiva e coma entrada do Bruno ali”, ressaltou o treinador. “Ele atravessou um momento ruim, de dificuldade, mas é um atleta que se dedica intensamente nas sessões de treinamento. Temos um grupo reduzido e não podemos perder jogador, por isso insistimos um pouco mais. O Bruno nos ajudou bastante taticamente contra o Oeste e agora foi premiado com gol. É um jogador que vai crescer ainda”.

Com 18 gols marcados em 60 partidas com a camisa bugrina, Bruno Mendes estava pendurado com dois cartões amarelos, mas como não foi advertido, poderá estar em campo no próximo compromisso da equipe, marcado para terça-feira que vem, contra o Figueirense, no Brinco de Ouro.

 

Comentários

comentários

Mais em Notícias