Conecte-se conosco

Curumins

Guarani leva gol no fim e empata com a Portuguesa no sub-20

Bugre vencia o jogo até os acréscimos, mas acabou perdendo primeiros pontos em casa

Em Valinhos, Guarani teve tudo para sair de campo com a terceira vitória, mas foi castigado com gol sofrido nos acréscimos (Foto: Letícia Martins/Guarani Press)

O Guarani tinha tudo para confirmar a terceira vitória no Campeonato Paulista sub-20, mas sofreu um gol no finalzinho da partida e acabou cedendo o empate em 1 a 1 para a Portuguesa, na tarde desta sexta-feira, no campo da Rigesa, em Valinhos, em partida válida pela quinta rodada do torneio. Gabriel Poveda abriu o placar para o Bugrinho, mas Cesinha, aos 48 minutos do segundo tempo, deixou tudo igual.

Com o resultado, o Alviverde perdeu os 100% de aproveitamento jogando em seus domínios – havia vencido as duas anteriores – e foi a 7 pontos. A equipe ainda ocupa a terceira posição do Grupo 4, mas com risco de perder posições para Grêmio Osasco e Juventus, que vão a campo neste sábado. O próximo compromisso é no sábado da semana que vem, contra o Moleque Travesso, fora de casa.

O JOGO
O Guarani não deixou o gramado com gosto amargo apenas pelo gol sofrido no fim, mas também por causa das várias oportunidades desperdiçadas durante toda a partida. Reforçado por jogadores que estão treinando com o profissional, casos do volante Luan e os atacantes Elias, Serafim e Gabriel Poveda, o time teve controle do jogo e volume ofensivo, sobretudo no primeiro tempo. Chegou várias vezes à área adversária e exigiu pelo menos três grandes defesas do goleiro Matheus antes dos 25 minutos, em finalizações de Gabriel Poveda, Juninho e Elias. Luan, de cabeça, também levou perigo.

Preocupada mais em marcar, a Portuguesa pouco se arriscou à frente na etapa inicial. Apostou bastante nas bolas longas e em tentativas de fora da área, mas sem conseguir levar real perigo ao goleiro Carlão.

Depois do intervalo, o jogo ficou mais franco. Quem criava as oportunidades mais reais era o Bugre. Aos 8′, Poveda bateu cruzado e a bola passou muito perto da trave direita. Dois minutos depois, Serafim partiu em velocidade, escapou da marcação, mas ao invés de finalizar, tentou o cruzamento e errou.

A primeira boa chance dos visitantes no jogo gerou um susto e tanto no Guarani. Após cobrança de escanteio, Thawan apareceu em cima da linha para evitar o gol da Lusa. No minuto seguinte, após jogada trabalhada pelo ataque bugrino, Juninho teve a chance, mas desperdiçou.

Depois de muito insistir, o Alviverde finalmente abriu o placar aos 14 minutos. Após batida de fora da área, o goleiro deu rebote e Gabriel Poveda apareceu para empurrar para o fundo da rede.

Depois do gol, naturalmente a Portuguesa se lançou mais à frente, enquanto o Bugre, mais precavido, tentava explorar os contra-ataques. Apesar dos espaços que tinha, o time não conseguiu liquidar e o jogo ganhou contornos dramáticos aos 36 minutos. O zagueiro Pedro, que já tinha amarelo, foi expulso após retardar o início da partida.

Daí em diante, o Guarani recuou de vez e a Lusa partiu para a pressão. Aos 39′, Carlão fez grande defesa à queima-roupa e evitou o empate. A equipe ia segurando o resultado positivo até tomar o castigo aos 48′. Cesinha foi lançado nas costas da defesa e tocou na saída do goleiro bugrino para deixar tudo igual e definir o placar em Valinhos.

Comentários

comentários

Mais em Curumins